Dieta Coletiva - Amido Resistente

01:10 Tays Rocha 6 Comments


E vamos prá mais uma semana de dicas saudáveis e dieta coletiva, essa semana eu fiquei bem feliz, porque mesmo tendo abusado um pouquinho no sábado à tarde num café com amigas e no auge da ansiedade, tendo me agarrado à uma barra de Diamante Negro... fiz todo o restante certinho e a balança me presenteou com 1,2 Kg a menos, na verdade estranhei... já que não reduzi porções, nem fiz dieta, apenas estou seguindo opções mais saudáveis. 

E a resposta veio hoje, na consulta da Mariana, segundo a pediatra, como ela está bem maior, ela está mamando em torno de 20% a mais do que antes e meu organismo se virando de várias formas prá dar conta do leitinho nossa de cada três horas e isso despende uma energia considerável. E realmente, essa semana me sinto cansada, com uma certa fraqueza, creio que também me movimentei mais, por estar sozinha, meu marido está viajando e tive que assumir todas as funções da casa e tem sido corrido mesmo, tanto que mal tenho conseguido vir. Acho que está havendo uma queima indiscriminada de calorias e isso tem me ajudado a emagrecer. De qualquer forma, não importa o motivo... o que importa é que estou mais magraaaaaaaaa \o/ e olha que tirei umas fotos na casa da minha amiga Paula sábado que quase morri de ódio, porque me achei uma pata ;o( mas devagarinho vou resolvendo isso. 

Tenho lido muito à respeito e achado a ação do amido resistente muito interessante e por isso resolvi compartilhar com vocês, porque além de tudo é fácil e barato, qualquer um pode incluir na dieta, sem maiores complicações.

PS: Prá quem me perguntou se as minhas fotos de comida  são tiradas com câmera profissional: não, eu tenho essa câmera aqui e todas as minhas fotos são tiradas com ela ;o)


O que é amido resistente?
"Um componente presente principalmente na banana, mandioca, inhame, cará e batata, que não é digerido pelas enzimas gástricas, sendo assim eliminados pelo bolo fecal junto com parte da gordura e do açúcar ingeridos", diz o nutrólogo Edson Credidio, doutor em ciências de alimentos pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). 

E como ele age exatamente?
O amido resistente arrasta com ele aquilo que nos engorda, mas não vale simplesmente descascar uma banana, por exemplo, e consumi-la antes da refeição. Para se tornar resistente, o amido tem de ser cozido ou aquecido. "Sob alta temperatura ele sofre uma reação química denominada gelatinização, que garante o efeito emagrecedor", explica Credidio. A banana por exemplo deve ser aquecida ou assada por 1 min antes de ser ingerida.

E como obter o amido resistente de forma eficiente?
A banana, batata, mandioca, inhame ou o cará devem ser consumidos 30 minutos antes do almoço e do jantar, junto com um copo d'água. Além de reduzirem a absorção de carboidratos e gorduras, dão sensação de saciedade.

Também possuem amido resistente em sua composição:  amêndoas e castanhas, banana verde (farinha também), macarrão integral, feijão branco, lentilha, pão com grãos integrais e cevada. De acordo com estudos, ele também age estimulando hormônios que fazem o organismo se sentir satisfeito e sinalizam que é hora de parar de comer. E ainda promove um aumento do peristaltismo intestinal, que pode diminuir a absorção de nutrientes e, conseqüentemente, de calorias, afirma a nutricionista Luci Uzelin. Outro dado interessante foi o que um pequeno estudo da Universidade do Colorado revelou : que a queima de gordura foi 23% maior entre os pacientes que incluíram alimentos ricos nesse amido.

Prá quem quer realmente emagrecer, a sugestão é aliar o efeito do amido resistente à uma dieta hipocalórica mais rígida, em torno de 1200 calorias/dia, dessa forma é possível emagrecer até 3Kg na semana, sem deixar de se alimentar e nutrir de forma adequada. Eu confesso que tenho dificuldade em seguir esses cardápios prontos, não por falta de autocontrole, mas por às vezes olhar o cardápio e não ter aquilo que eu estou com vontade de comer, e isso pelo menos prá mim, já desestimula bastante, por isso opto pelas tabelas de porções e monto minhas próprias refeições.

Se quiserem informações mais técnicas à respeito do amido resistente, vejam aqui.

Leia também

6 amigos comentaram, comente também!:

Parabens Tays pelo abandono desse kilo e pouquinho a mais
É abandono pq quem perde quer achar né e vc não ta querendo achar mais esse kilo perdido rsrs
É isso ai flor parabens
Um dia eu crio vergonha na minha cara e participo tb
Beijooooo

Dani Coelho disse...

Tays, se dependesse só do amido, eu estaria bem, rs. Gosto de quase tudo que tem amido, da sua listinha ai.
Beijos

Giuliana: disse...

Tays, queridísssima!

É claro que está dispensando uma energia enorme para amamentar a bochechuda...é só olhar para ela..rs Super gostosa! =]

Interessante essa parte do amido, mas de tudo talvez comeria apenas batata, o restante não gosto e não desce. Talvez dê para usar a farinha de banana, talvez! rs

Beijos

Tays,minha querida!

Que bom que está perdendo kilinhos né?É claro que a amamentação está sendo a causa dessa energia toda..rs Mariana toda linda e gostosa!

Quanto ao amido,eu adoro,e inhame sempre consuo aqui em casa.Ótimas dicas!
Já que você prometeu,quero ver as outras fotos sim!..Kkkkk #Marianaencantando
Obrigada pelo carinho de sempre,vc é muito querida prá mim.
Beijooooo grande!

Simone Souza

Leticia disse...

Thá´
Hoje é tudo mais complexo, heim? Antigamente era só fazer conta de calorias... rss. Tantos termos...
Pelo menos estou aprendendo bastante com os posts da dieta coletiva.
Beijos
lelê

parabéns pelos quilos eliminados, Tays, essa sensação não tem preço, não é?

Obrigada pelas dicas, eu não sabia disso =)

bjs mil

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...